França diz ter detectado primeiro caso de transmissão do zika vírus por relação sexual

Mulher infectada é o primeiro caso confirmado de transmissão autóctone do país
Reuters

A França detectou o primeiro caso de transmissão sexual do zika em uma mulher que viajou ao Brasil, epicentro de um surto do vírus, disse um autoridade francesa de saúde neste sábado (27).

Autoridades norte-americanas disseram que nesta semana que estão investigando 14 casos da doença transmitida por mosquitos que podem ter sido retransmitida por relação sexual, incluindo grávidas.

OMS recomenda que mulheres com zika continuem amamentando

Mãe de gêmeos em que um tem microcefalia diz: “Tem dia que fico pensando por que um teve e outro não”

Francois Bourdillon, chefe do IVS (Instituto da França de Vigilância em Saúde Pública), disse que a mulher infectada era o primeiro caso confirmado de transmissão autóctone do país.

“Esta mulher nunca tinha viajado. Seu parceiro tinha vindo do Brasil, por isso ela foi examinada”, disse em entrevista Bourdillon à BFM TV, acrescentando que os pacientes estavam bem.

Conheça o R7 Play e assista a todos os programas da Record na íntegra!

Powered by WPeMatico